Mais 50% de rede de esgoto em Matupá

obras em Matupá

Com pouco mais de 16 mil habitantes, Matupá (MT), situada a 700 km da capital do estado, Cuiabá, ainda guarda os traços de sua origem. Muitas árvores que lembram a mata nativa original emolduram as ruas largas abertas no projeto de urbanização. Criada por meio de um programa de colonização agropecuária para apoiar uma região em processo de desenvolvimento, a cidade ganha agora o que pode ser considerado um verdadeiro presente: a ampliação da rede de esgoto, pois de acordo com dados do Ministério da Saúde, a cada R$ 1 investido em saneamento básico, economizam-se R$ 4 em saúde pública. Até o fim do ano, Matupá terá 50% de rede de esgoto coletado e tratado. 

As obras 

A Águas de Matupá está fazendo as interligações de rede. Só no bairro União, onde vivem cerca de 3 mil famílias, são 500 metros de rede. Nas redes existentes está sendo feita a manutenção. São diversas frentes de trabalho: implantação de itens de segurança elétrica, escavação de área, construção de elevatória, poço de gordura e conexões dos tanques de tratamento. Ao todo, a rede coletora de esgoto vai ter 7,5 km de extensão, beneficiando os bairros Cidade Nova, Jardim das Flores e União.

A concessionária faz um trabalho de conscientização para que os moradores não façam ligações irregulares, pois elas podem causar danos ambientais e transtornos nas vias públicas do município, com extravasamentos de esgoto. Assim que a rede estiver pronta e liberada para a conexão, uma equipe de Responsabilidade Social da Águas de Matupá (MT) irá visitar as residências. Antes disso, qualquer ligação realizada é clandestina e pode causar danos ao meio ambiente. 

O funcionamento do sistema de esgoto

A Águas de Matupá (MT) implantou as obras do coletor-tronco – a principal tubulação do sistema de coleta de esgoto. A ela vão se ligar as redes coletoras já existentes e outros coletores para transportar o esgoto até a estação de tratamento. O transporte é feito por gravidade e por meio das estações elevatórias de esgoto, que realizam o bombeamento do esgoto dos pontos mais baixos para os mais elevados. Fazem parte do sistema ainda as caixas de gordura, que coletam e armazenam os resíduos gordurosos, evitando que ocorra entupimento de tubulações e que o esgoto seja direcionado para o sistema de tratamento.

Pular para o conteúdo