Que o Brasil ainda tem quatro milhões de pessoas sem banheiro?

Banheiro
Texto: Rosiney Bigattão

Em todo o mundo, ainda existem mais de quatro bilhões de pessoas que vivem em condições precárias de saneamento. O número representa cerca de 60% da população mundial. E um bilhão sequer tem acesso a um banheiro.

Segundo o Instituto Trata Brasil, a partir de um relatório do Unicef, o Fundo das Nações Unidas para a Infância, uma em cada três escolas não tem banheiros apropriados para uso e 23% das escolas não têm nenhum tipo de banheiro.

Uma data para lembrar a importância do acesso ao banheiro

Para combater esse número, a ONU, Organização das Nações Unidas, atua para chamar a atenção da sociedade para o problema e considera o 19 de novembro como o Dia Mundial do Banheiro.

A “Agenda 30”, ação global com 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável para erradicar a pobreza e promover o desenvolvimento em todos os aspectos, até 2030, visa ao mesmo objetivo.

O Novo Marco Legal do Saneamento, que tem como meta universalizar os serviços de água e esgoto até 2033, também tem um papel importante para mudar o atual cenário.

A falta que o saneamento faz

No Brasil, uma pesquisa inédita mostra a percepção do brasileiro em relação ao tema. Ela faz de um projeto maior, Banheiros Mudam Vidas, que atua para promover engajamento de empresas e organizações de forma colaborativa.

Sem acesso a um banheiro, sem acesso ao saneamento. Pesquisas mostram que viver em locais com água e esgoto tratados é básico para garantir saúde, qualidade de vida, condições mínimas de produtividade e desenvolvimento.

Só em 2019, segundo o site do Trata Brasil, foram registradas mais de 273 mil internações por doença de veiculação hídrica. E o mais triste: 2.734 mortes foram registradas em decorrência das doenças com a mesma causa.

Os investimentos em saneamento evitariam gastos maiores: no mesmo ano, de 2019, foram totalizados 108 milhões em gastos com internações por doenças de veiculação hídrica no Sistema Único de Saúde, o SUS. Para discutir o assunto, a Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental, a ABES, realiza em 19 de novembro, às 16 horas, o webinar “Dia Mundial do Banheiro: compromisso com o saneamento e a dignidade das pessoa”.

Pular para o conteúdo