5ª edição do Pioneiros mobiliza 320 jovens do ensino médio

5ª edição do Pioneiros mobiliza 320 jovens do ensino médio
Texto: Rosiney Bigattão e Ude Valentini

Entre mais de 1500 inscritos, 320 jovens do Ensino Médio da Rede Pública de Ensino foram selecionados para participar do Projeto Pioneiros em 14 unidades da Aegea, sendo duas superintendências da Águas do Rio. Um live na segunda, 7 de agosto, marcou o início da jornada da 5ª edição, com momentos de muita emoção.

Jovem diz: “Pioneiros mudou a minha vida”

“O Pioneiros mudou a minha vida, a palavra que define esse momento é honra. No ano passado, estava começando, como os jovens hoje, com um frio na barriga, tendo esse primeiro contato e com esse mar de curiosidades, dúvidas, planos e só posso dizer: aproveitem!”, disse Victor Barbosa.

Victor participou da quarta edição na Águas de Teresina, foi contratado como jovem aprendiz e depois como operador de uma das estações. Está cursando faculdade, tem planos grandiosos para o futuro. “Sou grato a tudo o que me aconteceu e espero que outros jovens aproveitem a oportunidade”, disse.

Programa envolve toda a empresa

O Pioneiros, desenvolvido pelo Instituto Aegea, envolve praticamente toda a empresa, com a participação da diretoria, da Academia Aegea, Gestão de Pessoas, Respeito Dá o Tom, além do Voluntariado e áreas de Responsabilidade Social das concessionárias, durante a imersão no mundo do saneamento feito pelos jovens.

“Quando a gente fala no Pioneiros, falamos em transformação e o conhecimento é a melhor ferramenta para a transformação. Acredito que a Aegea traz essa possibilidade dentro do programa”, afirmou Lisandre Assis Dauber, coordenadora de Responsabilidade Social da Aegea, que conduziu a live de abertura do projeto.

Ao final desse período de formação, os Pioneiros são convidados a elaborar, em dupla, um projeto de melhoria para questões relacionadas ao saneamento de seu bairro, comunidade ou cidade. Concorrem a uma premiação local e os melhores de cada unidade participam da etapa nacional.

Jovens são porta-vozes de suas comunidades

Os jovens são porta-vozes das comunidades dentro da companhia, compartilhando informações com suas famílias, entre os professores, com seus colegas, mais do que capacitação, o Pioneiros é um processo de troca de conhecimentos”, disse Édison Carlos, presidente do Instituto Aegea e diretor de Sustentabilidade da empresa.

“Quanto mais se aprofundarem nesta imersão, mais condições terão de fazer um projeto que vai fazer a diferença para as comunidades onde vivem. Terminem essa jornada como pessoas melhores, cidadãos melhores, filhos melhores, é o que mais importa”, orientou ele, se dirigindo aos jovens participantes.

Conhecimento adquirido não se perde

Para a vice-presidente de Gestão de Pessoas, Márcia Costa, os pais têm um papel fundamental no sucesso do Pioneiros, pois é um programa que exige dedicação. 

“É um programa robusto, uma oportunidade para os jovens que já são vencedores por terem chegado até aqui, temos uma empresa inteira à disposição: degustem, aprendam, troquem informações, lembrem-se que conhecimento adquirido nunca mais se perde”, enfatizou a VP.

Reflexão sobre o futuro profissional

De acordo com a coordenadora de Responsabilidade Social da Mirante (SP), Andréia Ferreira, o objetivo do Pioneiros é contribuir para a reflexão sobre o futuro profissional e oportunizar aos jovens um primeiro contato com o ambiente empresarial.

“Além de aproximar a empresa da comunidade e dos jovens, o Pioneiros proporciona um ambiente de inovação operacional e social, onde possam surgir ideias de projetos com retornos interessantes tanto para a concessionária, quanto para a comunidade”, explica Andréia.

Pular para o conteúdo