Mais quatro unidades da Aegea se movimentam com energia renovável

energia renovável
Texto: Rosiney Bigattão e Thais Tomie

Dando ênfase à estratégia de priorizar a eficiência do uso dos recursos naturais e ao compromisso com os pilares ESG no centro de suas decisões, a Aegea inaugura mais quatro usinas de energia renovável.

A inauguração é uma continuidade da parceria anunciada em abril deste ano entre a Aegea MT, responsável pela gestão de 24 concessões de água e esgoto em Mato Grosso, a Brasol Soluções Energéticas e a Oeste Solar.

As quatro usinas de energia fotovoltaica foram inauguradas no dia 4 de outubro, no Oeste Solar Parque, em Cuiabá (MT), ocupando uma área de 13.500 m².

Crescer com sustentabilidade

“Para a Aegea, atender aos critérios ESG está nas prioridades de qualquer tomada de decisão. Especificamente quando falamos em energia, todo o nosso esforço está em tornar nossa matriz elétrica cada vez mais amigável ao meio ambiente, então esse novo projeto faz parte de uma política já estabelecida na Aegea de sempre crescer com sustentabilidade”, afirma Édison Carlos, presidente do Instituto Aegea e diretor de Sustentabilidade da Aegea.

Novas usinas vão movimentar quatro concessionárias

As novas usinas vão atender ao consumo energético das operações das concessionárias de Águas de Barra do Garças, Águas de Paranatinga, Águas de Pedra Preta e Águas de São José. 

Juntas elas somam uma potência instalada de 1,2 MWp e um volume de geração de energia estimado em 1.700 megawatt-horas por ano, equivalente ao consumo anual de energia de cerca de 800 residências brasileiras.

O loteamento de geração distribuída de energia solar fica localizado no km 9 da Estrada da Guia e conta com 200 hectares. As novas usinas da Aegea MT integram o projeto fotovoltaico já em operação nas unidades de Campo Verde, Poconé, Primavera do Leste e Sinop. 

Aprimorando a eficiência energética

O diretor-presidente da Aegea MT, André Bicca, explica que as concessionárias buscam aprimorar a sua eficiência energética em todo o processo, reduzindo custos operacionais e preservando o meio ambiente. 

“O uso de placas solares nas nossas operações significa uma energia limpa, sem poluentes, e reforça o compromisso da Aegea no desenvolvimento de soluções inovadoras e sustentáveis, gerando valor para a sociedade”, pontua. 

Sustentabilidade como meta

Como líder do setor privado de saneamento, a iniciativa faz parte do compromisso da Aegea em colocar a sustentabilidade e os pilares ESG no centro de todas as suas decisões. 

A companhia faz uso cada vez mais eficiente dos recursos naturais em suas concessões, priorizando uma matriz energética renovável combinada com o aumento na eficiência energética, e metas de redução de consumo de energia. 

energia renovável

94% da energia consumida na Aegea é de fontes renováveis

Atualmente, 94% da energia consumida no grupo é de fontes renováveis. A empresa tem avançado em sólidas parcerias e já possui projetos de geração distribuída em operação e implementação nos estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Rio Grande de Sul, Espírito Santo, Amazonas, Piauí, Maranhão, Santa Catarina e São Paulo.

Além disso, a Aegea se tornou a primeira empresa de saneamento da América Latina a se comprometer com metas sustentáveis ao emitir os chamados bonds sustentáveis. Por meio deles, se comprometeu em reduzir o consumo de energia em suas unidades.

Pular para o conteúdo